Links de Acesso

Viúva de garimpeiro assassinado na Lunda pede ajuda

  • Coque Mukuta

Familiares de garimpeiro morto na Lunda, angola, Agosto de 2014

Familiares de garimpeiro morto na Lunda, angola, Agosto de 2014

Luzia disse ainda que o seu marido apenas foi ao garimpo por falta de emprego para sustentar a família e foi atingido por uma bala da polícia.

As autoridades na Lunda assumiram a autoria da morte de dois garimpeiros, mas até ao momento apenas um foi identificado, Lucas Tiago, para cujo funeral a família contou com ajuda da polícia.

A esposa do malogrado que quer ser identificada por Luzia está gravida e não trabalha.

Preocupada com a situação por que passa, bem como os seus dois filhos, de quatro e seis anos, Luzia disse à VOA precisar de apoios básicos, tal como alimentação e residência: “estamos a passar mal, precisamos desde casa até mesmo à alimentação até porque estou na casa de renda e não trabalho”.

Luzia disse ainda que o seu marido apenas foi ao garimpo por falta de emprego para sustentar a família.

A viúva pede às autoridades competentes que façam justiça em relação ao assassinato do seu esposo. “Apenas peço justiça”, concluiu.

De recordar que o pároco católico António Makoko Miamba denunciou na passada quinta-feira à VOA a existência de crimes violentos em Cuango, na Lunda Norte.

XS
SM
MD
LG