Links de Acesso

Violência contra mulheres em Moçambique continua a ser preocupante

  • Francisco Júnior

Cinquenta e quatro por cento das mulheres sofreram alguma forma de violência.

Segundo o Ministério moçambicano da Mulher e Acção Social pelo menos 54 por cento das mulheres moçambicanas sofreram alguma forma de violência física ou sexual em algum momento das suas vidas.

A situação da mulher em Moçambique no que toca ao problema da violência é ainda considerada muito grave.

Um dos exemplos é Tete, província onde existem os grandes projectos ligados à indústria extractiva, em especial o carvão, explorado por multinacionais.

Ondina da Barca Vieira é especialista do programa nos escritórios da ONU Mulheres em Moçambique, ONU Mulheres, uma das quatro agências das Nações Unidas que, preocupadas com a situação da mulher, decidiram lançar um projecto na província central moçambicana de Tete.

Avaliado num milhão e 500 mil dólares, o projecto visa, entre outros objectivos, fortalecer a capacidade do Governo em proteger mulheres e raparigas contra a violência.

Vieira diz em entrevista à VOA que, para garantir o sucesso do projecto, além das autoridades governamentais, serão também envolvidos diversos outros actores e membros da sociedade civil, incluindo a imprensa.

XS
SM
MD
LG