Links de Acesso

"Vamos acabar com a gasosa" - Ambrósio de Lemos

  • Isaías Soares

Comandante Geral da Polícia Nacional de Angola Ambrósio de Lemos

Comandante Geral da Polícia Nacional de Angola Ambrósio de Lemos

Comandante da polícia nacional angolana diz que a corporação vai ser "muito rigorosa" no combate à extorsão de motoristas e outros cidadãos.

O comandante da Polícia Nacional de Angola, comissário-geral Ambrósio Freire de Lemos, prometeu um combate acérrimo e duro ao suborno e corrupção na polícia.


O comissário falava em Malanje onde esteve durante 48 horas no âmbito de uma visita que efectua a várias zonas de Angola.

“Muito especialmente no que toca à excessiva ingestão de bebidas alcoólicas, o comportamento perante a população, também se fez referência, deixei como recomendações um maior rigor na aplicação de sanções em relação ao pessoal que faz extorsão de valores à nossa população, muito especialmente aos condutores”, disse.

“É necessário terminar com esta gasosa no seio da nossa corporação”, avisou o comandante geral para acrescentar: “Vamos ser muito rigorosos, tendo em conta também que melhoraram os salários do escalão mais baixo da nossa hierarquia policial".

Ambrósio de Lemos disse, por outro lado, que os índices de criminalidade reduziram substancialmente na província de Malanje

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG