Links de Acesso

Obama tem vantagem significativa sobre Mitt Romney em muitos dos estados oscilantes


Barack Obama e Mitt Romney

Barack Obama e Mitt Romney

O debate de Denver inclui a economia, os cuidados de saúde e o papel do governo

O presidente dos Estados Unidos Barack Obama e o Republicano, Mitt Romney, preparam-se para uma nova fase do processo eleitoral de 2012 – os debates presidenciais.

Os dois candidatos vão realizar amanhã, quarta-feira, em Denver, a capital do estado do Colorado, o primeiro de uma série de três debates.


Os tópicos do debate de Denver incluem a economia, os cuidados de saúde e o papel do governo.

Poucos dias antes do primeiro debate, o presidente Obama centrou a intervenção semanal num dos tópicos chave: a economia norte americana.

O presidente criticou o Congresso, especialmente os Republicanos, por não terem actuado num plano que sublinhou teria poupado aos donos de residências, milhares de dólares.

“A verdade é muito simples, vai levar mais algum tempo para o sector da habitação a recuperar. Vai demorar mais tempo – e causar muitos problemas – se o Congresso continuar a não agir”.

O próprio presidente Obama, ele mesmo objecto de críticas por não ter feito o suficiente para fazer face à crise da habitação, afirmou que o mercado está a recuperar.

Mas esta não é a única noticia económica positiva.

Os dados do Departamento do Trabalho indicam que os Estados Unidos têm, agora, mais pessoas empregadas do que quando o Presidente Obama tomou posse em Janeiro de 2009.

Os novos dados contrapõem à reivindicação de Romney que os Estados Unidos perderam centenas de milhares de postos de trabalho durante o mandato de Obama.

A perda de uma arma de campanha regista-se após semanas difíceis para o candidato Republicano após a divulgação de um vídeo apresentando Romney a dizer a apoiantes ricos que 47 por cento de eleitores se consideram “vítimas da situação económica” e por isso recipientes de apoio governamental.

Matthew Dowd, o principal estratega da campanha de 2004 do antigo presidente George W Bush afirmou à ABC NEWS que os debates são críticos para Romney.

As sondagens de opinião pública indicam que o presidente Obama tem uma vantagem significativa sobre o antigo governador de Massachusetts em muitos dos denominados estados oscilantes para decidirem o sufrágio de 6 de Novembro.

Mitt Romney admite serem importantes os debates presidenciais.

“Será uma boa oportunidade para o presidente e eu próprio termos uma conversa com o povo Americano sobre os respectivos pontos de vista”.

Embora a apresentação de pontos de vista seja importante, Dowd considera que o desempenho de um candidato no debate junto do eleitorado é mais sobre o estilo do que o conteúdo.

“Se olharmos para o historial dos debates, não se trata sobre realmente sobre os detalhes das políticas, não são os factos que contam. As pessoas já ouviram muito sobre isso. É mais sobre o género de pessoa ou a personalidade do candidato.”

Assuntos da política internacional estão reservados para os debates seguintes, marcados para 16 e 22 do corrente mês.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG