Links de Acesso

UNITA e Bloco Democrático protestam contra condenação de jornalista da Rádio Despertar

  • Redacção VOA

Galo Negro diz que poderá convocar novos protestos.

A UNITA e o Bloco Democrático condenaram a prisão e condenação do jornalista Queiróz Anastácio Chilúvia da Radio Despertar que foi preso quando investigava pedidos de socorro vindos de uma prisão.

A UNITA disse num comunicado do secretariado executivo do comité permanente que “em defesa da legalidade” poderá fazer recurso ao direito à manifestação com o objectivo de “frustrar as incessantes prisões e multas ilegais coimo como outas formas de agressão aos direitos do cidadão”.

No seu comunicado, o Bloco Democrático (BD) faz notar a rapidez com que Queiroz foi julgado, ao contrário de outros casos que não são levados a julgamento envolvendo alegados crimes cometidos por elementos das autoridades.

O BD diz que o jornalista não cometeu nenhum acto ilegal e como tal deve ser anulada a sua condenação.

O Bloco Democrático diz que a resposta às detenções ilegais de jornalistas deve ser encontrada de forma apartidária através da formação de grupos formais ou informais, associações, sindicatos e grupos de bairro para defesa dos direitos de todos.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG