Links de Acesso

Unita pede meios para a polícia no Namibe

  • Armando Chicoca

Sinistralidade rodoviária existe maior controle.

O secretário provincial do Namibe da Unita diz que a paz nas estradas é um bem necessário que deve ser construída por todos angolanos. Em declarações à VOA, Ricardo Ekupa de Noé “Tuyula” manifesta-se apreensivo com o número elevado de pessoas morrem nas estradas por condução irresponsável, depois do calar das armas, há 13 anos.

As obras descartáveis por ausência de fiscalização, segundo o político da Unita, também têm propiciado constrangimentos que depois desembocam em acidentes de viação e insegurança rodoviária.

"Tuyula" considera de aceitável o trabalho empreendido por alguns comandantes provinciais da Polícia Nacional, na região sul e centro de Angola, no que tange à fiscalização rodoviária e combate à sinistralidade.

Para aquele dirigente, nem sempre a vontade resolve o problema. "Temos que ter a coragem de reclamar a falta de meios para que a Polícia Nacional na provincia do Namibe trabalhe com eficiência, sobretudo no que diz respeito ao combate a sinistralidade", disse.

Ele aponta, por exemplo, a falta de radares e bafómetros para desencorajar a condução irresponsável dos automobilistas e exorta as entidades centrais da Polícia Nacional em Luanda a reforçarem os meios policiais de fiscalização das nossas estradas.

XS
SM
MD
LG