Links de Acesso

UNITA acusa governo de incompetência face á crise do petróleo

  • Isaías Soares

 Albertina Navemba Ngolo

Albertina Navemba Ngolo

Deputada diz que governo ignorou avisos da oposição sobre a volatilidade no mercado petrolífero

A deputada pela bancada parlamentar da UNITA Albertina Navemba Ngolo acusou o governo angolano de incompetência face à queda do preço do petróleo nos mercados internacionais.

Falando numa reunião da ala da juventude do seu partido JURA, Ngolo disse que o governo angolano tinha sido avisado pela oposição de que o orçamento apresentando o ano passado poderia não reflectir a volatilidade do mercado petrolífero.

Esses avisos foram ignorados e meses depois o governo foi forçado a regressar ao parlamento com um orçamento rectificativo.

A deputada doa UNITA qualificou de “catastrófica” para o governo a descida do preço do petróleo.

“Isso é uma catástrofe para quem não tem produção, para quem não tem indústria, para quem está a roubar o diamante”, disse.

“Nós a UNITA, nós a juventude, precisamos de trabalhar para que este governo angolano saia porque enquanto eles continuarem vão roubar e não vão mudar a estruturas económica”, acrescentou.

Ngolo falava sobre “o impacto da crise económica no seio da juventude angolana”, para centenas de jovens das províncias da Lunda-Norte, Lunda-Sul, Malanje, Moxico e Kwanza-Norte.

A região de Capanda-Camulemba, na Lunda-Norte, foi o palco do acto central nacional das celebrações do 18 de Julho, 41º aniversario, em homenagem à morte, em combate, do patrono da Juventude Unida Revolucionária de Angola, de David Jonatã.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG