Links de Acesso

União Africana: Importância da polícia aumenta nas forças de manutenção da paz

  • Eduardo Ferro

De acordo com um estudo do Institute for Security Studies é necessária mais clareza no que se refere à definição dos papéis e das responsabilidades da União Africana.

Missões de manutenção da paz lideradas por africanos em locais de alto risco e envolvendo potencialmente operações de combate estão a multiplicar-se cada vez mais.

Assiste-se igualmente a situações em que as Nações Unidas se recusam a intervir enquanto um acordo de paz não seja firmado e onde haja, de facto, paz para manter.

No contexto da criação de mecanismos continentais mais fortes capazes de melhorar a capacidade da União Africana em apoiar países afectados por conflitos, as missões de manutenção da paz da União Africana são caracterizadas pelo envio para meios ambientes instáveis.

De acordo com um estudo do Institute for Security Studies, ISS, da África do Sul, é necessária mais clareza no que se refere à definição dos papéis e das responsabilidades da União Africana a todos os níveis dos seus esforços de policiamento.

O estudo do ISS refere que isso se aplica particularmente à definição das funções de comando.

Para nos dar mais pormenores sobre o estudo falamos com o pesquisador do ISS, Gustavo de Carvalho.

XS
SM
MD
LG