Links de Acesso

Directores ameaçados por aderirem à greve no Uíge


Acusação é do SINPROF

A Direcção Provincial da Educação e o Governo Provincial do Uíge foram acusados de ameaçar com exoneração os directores das escolas cujos professores fizeram greve na semana passada.

A acusação é do secretário provincial do Sindicato Nacional dos Professores (SINPROF) no Uíge.

“Os directores municipais da educação foram chamados à atenção de serem exonerados por não terem cumprido com a orientação de intimidar ou ameaçar os professores que não estivessem no trabalho”, revelou Amândio Vieira.

Vieira acusou igualmente a Direcção Provincial da Educação de apontar alguns nomes de professores que aderiram a greve com objectivo de serem expulsos ou desactivados do sistema.

Nesta segunda-feira, 10, as aulas foram retomadas com deficiências em algumas escolas da província.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG