Links de Acesso

Tribunal recupera dívidas ao antigo BESA

  • Coque Mukuta

Banco Besa deu lugar ao Banco Económico

O Tribunal de Luanda está a cobrar dívidas de empresas que recorreram ao Banco Espírito Santo Angola (BESA), extinto em 2014, de acordo com um anúncio divulgado pela justiça no Jornal de Angola.

Empresas e administradores "actualmente em parte incerta" são intimados a fazer os pagamentos devidos.

SOCISUL (Sociedade de Comércio e Representações, Limitada), INSTALOÁFRICA (Instalação de Alta, Média e Baixa Tensão, Limitada) e TIPOL (Comércio e Indústria, Limitada) são algumas empresas mencionadas.

Para o economista, Faustino Mumbika, não vai ser fácil reaver a dívida do BESA por causa das pessoas envolvidas, entre elas, Marta dos Santos, irmã do Presidente angolano, e Manuel Vicente, actual vice-presidente.

Para Mumbika, “é apenas uma medida eleitoralista”.

O tribunal ameaça penhorar bens dos devedores que não pagarem.

Por seu lado, o jurista Francisco Lumangu acredita que se a intenção da investigação é uma iniciativa do actual Banco Económico que nasce do antigo BESA, o Tribunal vai mesmo conseguir reaver as dívidas.

Para ele, “a intenção é mesmo recuperar o fundo malparado”.

Recorde-se que a Procuradoria-Geral da República já confirmou estar a investigar o colapso do antigo BESA.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG