Links de Acesso

Três jornalistas agredidos na Venezuela


Imagem de arquico de uma manifestação em Caracas, ca+pital da Venezuela

Imagem de arquico de uma manifestação em Caracas, ca+pital da Venezuela

Três jornalistas venezuelanos foram agredidos nesta Quarta-feira, 3, por manifestantes junto da Câmara Municipal, Mário Briceño Iragorry, no Estado de Arágua, a oeste de Caracas, situação que gerou revolta entre os profissionais. O Colégio Nacional de Jornalistas (CNP) revelou que os jornalistas estavam a fazer uma reportagem no edifício municipal quando um grupo de pessoas entrou no local e os agrediu.

O comunicado do CNP dá conta de jornalistas, como Elena Santini, que ficou com uma fractura no pé direito, ou do caso de Pedro Torres, que ficou com contusões no rosto devido a ter sido espancado. O mesmo organismo refere ter sido ainda agredido o operador de câmara, Alejando Ledo, que apresentava lesões na cabeça.

O CNP "exige maior responsabilidade" dos líderes políticos venezuelanos no controlo das manifestações, para "evitar acções degradantes, violentas e brutais, contrárias ao princípio e convivência e respeito".

XS
SM
MD
LG