Links de Acesso

A falta de dólares e as limitações às exportações de capitais obrigaram a Transportadora Aérea Portuguesa (TAP) a restringir a venda de bilhetes no país apenas às viagens que se realizem com origem em Luanda.

A suspensão, que teve início na Sexta-feira passada, foi confirmada pelo Diário Económico de Portugal junto da central de reservas da companhia e de fonte da TAP, que acrescentou não haver uma data estabelecida para que a medida seja revertida. O jornal disse, no entanto, que a limitação está relacionada com a escassez de divisas estrangeiras em Angola e com barreiras à exportação de capitais.

Na prática, um passageiro que pretenda fazer viagem a partir de Lisboa ou de outra origem de voos TAP - que não seja a capital angolana - já não poderá assim comprar a passagem a partir de Luanda, tendo de escolher outro escritório da empresa.

XS
SM
MD
LG