Links de Acesso

Síria: Rússia decreta nova trégua para “evitar vítimas desnecessárias”


Rebeldes sírios ignoram cessar-fogo.

Rebeldes sírios ignoram cessar-fogo.

Um novo cessar-fogo de 10 horas decretado pela Rússia, aliada do regime sírio, entrou em vigor na manhã desta sexta-feira, 4, na cidade de Aleppo, para permitir a saída de rebeldes e civis daquela cidade.

As autoridades russas disseram que a moratória também aprovada pela Síria pretende ajudar a “evitar vítimas desnecessárias”.

Mas os grupos rebeldes em Aleppo ignoram a oferta que chamam de mero exercício propagandístico da Rússia.

Tréguas anteriores na cidade não resultaram.

Yaser Al Yusef, líder do grupo rebelde Nuredin Zinki, disse que a mesma "não tem valor (…) a Rússia não respeitou nenhuma das iniciativas empreendidas".

"Este anúncio não tem nenhum valor e não nos diz respeito. Não confiamos nos russos", destacou, acrescentou Al Yusef.

Segundo a AFP, as Nações Unidas reagiram afirmando que "as operações humanitárias não podem ficar condicionadas a iniciativas políticas ou militares".

Mais de 250 mil pessoas estão privadas de ajuda humanitária, há pelo menos três meses, em Aleppo.

XS
SM
MD
LG