Links de Acesso

Síria: ONU diz que 16 mil pessoas fugiram do leste de Aleppo


Milhares em Aleppo em busca de refúgio, 27 de Novembro.

Milhares em Aleppo em busca de refúgio, 27 de Novembro.

A Organização das Nações Unidas (ONU) diz que 16 mil civis fugiram do leste de Aleppo, nos últimos dias, para áreas seguras da cidade.

A situação no leste é alarmante, ressalta a organização.

"Estou extremamente preocupado com o destino dos civis por causa da situação alarmante e aterradora na cidade de Aleppo", lê-se num comunicado do director de operações humanitárias da ONU, Stephen O'Brien.

No leste de Aleppo, controlado pelos rebeldes, a "intensificação dos combates em terra e os bombardeamentos indiscriminados nos últimos dias teriam provocado a morte ou deixado feridos dezenas de civis, ao mesmo tempo que não resta nenhum hospital em funcionamento e as reservas de alimentos estão praticamente esgotadas", acrescenta.

Os 250.000 civis que vivem na área controlada por rebeldes em Aleppo, cercados pelo regime sírio desde julho, começaram a fugir nos últimos dias.

XS
SM
MD
LG