Links de Acesso

Síria: Crianças sitiadas comem ração para animais e morrem de doenças evitáveis, denuncia a Save the Children


Criança síria, cidade de Madaya, 2016.

Mais de 250.000 crianças sírias estão sitiadas em localidades cercadas pelos beligerantes no conflito que devasta o país, escreve a AFP citando um relatório do Save the Children.

O relatório publicado hoje sublinha que algumas dessas crianças são obrigadas a comer ração para animais e capim para conseguir sobreviver. Outras morrem de doenças evitáveis.

Baseado em depoimentos de pessoas que vivem e trabalham nas zonas sitiadas, o relatório acrescenta que as crianças "encontram-se isoladas em relação ao mundo externo, cercadas pelos beligerantes que usam os locais como armas de guerra".

Segundo o Alto-Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos, mais de 450 mil pessoas estão sitiadas na Síria.

XS
SM
MD
LG