Links de Acesso

Sindicato do Ensino Superior e Ministério retomam negociações

  • Manuel José

Carlinhos Zassala anuncia acordo

SINPES suspende anúncio de greve e as duas partes criam comissão para resolver os diferendos

O Sindicato dos Professores do Ensino Superior (SINPES) e o Ministério do Ensino Superior de Angola voltaram a sentar-se à mesma mesa dois anos depois das conversações terem sido interrompidas.

No encontro desta quarta-feira, 22, ficou patente que as razões que levariam a uma greve no fim deste mês ficam sem efeito, pelo menos por enquanto.

Outra boa nova é que a sede do SINPES que tinha sido encerrada pela Universidade Agostinho volta a pertencer aos professores.

"Encontramos um boa abertura e pelo que vimos já não motivos para greve em Abril”, disse o sindicalista Carlinos Zassala no final da reunião, em que foi anunciada a devolução da sede do sindicato.

As duas partes criaram uma comissão para trabalhar no sentido de resolver todos os pendentes que existem entre os professores e a entidade patronal.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG