Links de Acesso

Simões Pereira avalia permanência de secretário de Estado no Governo


Domingos Simões Pereira

Domingos Simões Pereira

O primeiro-ministro da Guiné-Bissau, Domingos Simões Pereira, disse que vai avaliar a continuidade do secretário de Estado das Comunidades, envolvido num escândalo de venda de passaportes, depois de recolher toda informação sobre o processo.

Idelfrides Manuel Gomes Fernandes foi detido pela Polícia Judiciária na Quinta-feira, 4, e posto em liberdade no dia seguinte, mas o primeiro-ministro, que hoje regressou ao país após uma visita à Mauritânia, só irá decidir sobre a sua situação no governo quando estiver na posse de todos os elementos sobre o caso.

À chegada, Simões Pereira disse que, antes de viajar tinha falado com o secretário de estado que lhe apresentou "um documento no qual confirmava que não havia nenhum fundamento para as acusações de que estava ser alvo".

Ontem, a VOA noticiou que um colaborador de Gomes Fernandes foi detido pela Polícia Judiciária, no início da semana e terá confessado como funciona o esquema, do qual ele mesmo se beneficiou.

XS
SM
MD
LG