Links de Acesso

Fiéis de seita religiosa mata polícia em Benguela


Polícia foi espancado até à morte e fiéis em confronto com agentes da polícia feriram também um oficial.

João Marcos

Um agente da Polícia foi espancado até à morte no município do Balombo, província de Benguela, alegadamente por fiéis de uma seita religiosa.

Um oficial da polícia foi por seu turno ferido nos confrontos em que, segundo as autoridades, a polícia tentou dispersar os fiéis com “tiros para o ar”. Várias pessoas foram presas.

Tudo começou quando, movida por denúncias populares, a polícia enviou ao local onde se realizava um retiro da seita religiosa denominada ‘Kalopeteca’.

Os policiais teriam sido atacados pelos fiéis dessa seita que anteriormente tinha sido acusada de ter provocado embaraços e "distúrbios" aquando do censo populacional.

O porta-voz do Comando Provincial da Polícia Edgar Arnaldo disse que os policias foram atacados e tentaram dispersar os seus atacantes disparando para o ar sem causar quaisquer ferimentos ou vitimas.

O agente que morreu havia sido “retido” pelos fiéis e foi mais tarde encontrado sem vida com sinais de ter sido espancando até á morte.

Um comandante foi ferido na cabeça após também ter sido agredido e teve que receber tratamento hospitalar.

XS
SM
MD
LG