Links de Acesso

Seis partidos guineenses pedem à ONU que investigue os governos desde 2014

  • Redacção VOA

Secretário-Geral da ONU recebeu o pedido

Carta foi entregue a Guterres a 6 de Fevereiro por Domingos Simões Pereira

Seis partidos políticos da Guiné-Bissau aguardam que as Nações Unidas criem uma comissão internacional de inquérito para investigar os Governos que dirigiram o país desde as eleições de Abril de 2014.

O pedido foi feito pelo presidente do PAIGC, Domingos Simões Pereira, em carta entregue no passado 6 de Fevereiro ao secretário-geral da ONU, durante a visita que realizou a Nova Iorque.

Na semana passada, Simões Pereira recebeu uma carta de um subsecretário-geral da ONU a confirmar que diligências estão a ser tomadas para a criação da comissão que vai averiguar a utilização dos fundos públicos e também analisar quem esteve envolvido em atividades ilícitas.

O antigo primeiro-ministro acredita que, desta forma, ficará definitivamente esclarecido "o ruído que se faz à volta da corrupção", além do facto de o povo guineense ter o direito de saber como foram geridos os fundos públicos.

Domingos Simões Pereira
Domingos Simões Pereira

Numa breve declaração nesta terça-feira, 14, à VOA a partir de Bissau, Domingos Simões Pereira diz ser "do conhecimento público acusações de corrupção feitas em referência ao seu Governo e à sua pessoa para alguma imprensa e que por isso o melhor é que tudo seja esclarecido".

Enquanto diz esperar que nenhum dos responsáveis pela gestão do país desde 2014 recuse a participar na investigação, Domingos Simões Pereira garantiu ter autorizado a ONU a analisar a sua administração, bem como a sua conta bancária e a vida da sua família.

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG