Links de Acesso

Seis militares moçambicanos mortos nas últimas 24 horas por homens da Renamo


Elemento Renamo

Elemento Renamo

Pelo menos seis membros das Forças de Defesa e Segurança de Moçambique (FDS) morreram e outros contraíram ferimentos graves e ligeiros, em consequência de um confronto armado entre as Forças Governamentais e guerrilheiros alegadamente da Renamo, ontem, no povoado de Murothoni, província da Zambézia, onde instalou-se novamente um clima de terror, com a população a abandonar as suas casas.

Segundo relatos dos residentes do povoado, que dista cerca de 50 quilómetros do município de Mocuba, as FDS preparavam-se para atacar uma antiga base do partido do de Afonso Dhlakama quando foram surpreendidas pelos guerrilheiros da perdiz. Na sequência dos confrontos uma viatura que transportava alguns agentes das Forças Governamentais foi incendiada pelos referidos homens armados da Renamo.

Uma fonte do Hospital Rural de Mocuba confirmou a existência de seis soldados que perderam a vida e mais de uma dezenas tinham sido admitidos com ferimentos de balas.
XS
SM
MD
LG