Links de Acesso

Sao Tomé tem que melhorar ambiente de negócios - Sociedade Financeira Internacional

  • Óscar Medeiros

O Banco Mundial pretende ajudar o governo São-Tomense a criar um guiché único para o comércio externo.

A informação foi avançada pelo representante da Sociedade Financeira Internacional, Boris Divjak que se encontra no país para uma série de contactos com instituições financeiras locais.

A Sociedade Financeira Internacional é um braço do Banco Mundial.

Boris Divjak reuniu-se com o Ministro das Finanças e cooperação internacional Américo Ramos com quem discutiu as reformas da economia são tomense que visam melhorar o ambiente de negócios no país.

As partes discutiram formas para melhorar o ambiente de negocio no país com a aceleração das reformas exigidas pelo Banco Mundial, bem como os resultados de São Tomé e Príncipe no ranking “Doing Business 2012”, onde o país desceu três lugares em relação ao ano passado, ou seja saiu da posição 157 para a posição 160.

“O que é importante é criar um clima para os investimentos para aumentar os mesmos em áreas como o turismo e agricultura,” disse Divjak para quem São Tomé e Príncipe deve continuar reformas para melhorar o ambiente de negócios.

O ministro são tomense disse que a queda se deveu á entrada de outros países para os rankings e também à melhoria de outros.

XS
SM
MD
LG