Links de Acesso

Avião russo transportando Coro do Exécito Vermelho despenha-se no Mar Negro


Coro do Exército Vermelho

Um avião militar russo despenhou-se hoje no Mar Negro, com 92 pessoas a bordo. Para já não foram encontrados sobreviventes.

Entre os passageiros contavam-se cerca de 60 membros do Coro do Exército Vermelho que iam celebrar o Ano Novo com as tropas russas na Síria.

Segundo as autoridades russas, o Tupolev Tu-154 desapareceu dos radares logo após a descolagem da cidade de Adler, no Mar Negro. O aparelho dirigia-se para a base aérea de Hmeimim, perto de Latakia, no noroeste da Síria.

Os destroços do avião foram encontrados a 1,5 quilómetros da costa, a cerca de 70 metros de profundidade, por quatro navios responsáveis pelas operações de busca.

O presidente russo, Vladimir Putin, ordenou a formação de uma comissão de investigação liderada pelo primeiro-ministro Dmitri Medvedev para determinar as causas do acidente.

Anunciou também que amanhã será dia de luto nacional pelas vítimas do acidente. Pouco antes, o Ministério da Defesa da Rússia tinha indicado que, após várias horas de buscas, não foram encontrados sobreviventes. A agência noticiosa TASS cita o porta-voz do ministério da Defesa, o general Igor Konashenkov, que adianta que foram enviados quatro barcos e cinco helicópteros para fazer buscas na zona.

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG