Links de Acesso

Autoridades moçambicanas descartam falta de combustíveis no país

  • Ramos Miguel

Sector pode ser afectado pela falta de divisas.

Em Maputo circulam informações nesta terça-feira, 26, sobre uma iminente escassez de combustíveis, resultante da grave situação económica que o país enfrenta, mas as autoridades dizem que isso não tem nenhum fundamento.

Gestores de alguns postos de abastecimento de gasolina e gasóleo contactados pela VOA disseram que, apesar de vários rumores, as actividades decorrem normalmente.

Pedro Francisco, gestor dum posto de abastecimento de combustíveis no bairro de Khongolote, arredores de Maputo, afirmou que já ouviu falar disso e acredita que essas informações não confirmadas se devem à difíicil situação económica do país.

Para alguns analistas, eventualmente, o sector dos combustíveis será daqueles que vão ser afectados pela escassez de divisas para as importações.

Entretanto, o director da Importadora Moçambicana de Petróleos (Imopetro), João Macandza, alerta que "tais rumores criam pânico nas pessoas e não têm nenhum fundamento".

A Imopetro é uma sociedade participada por todas as gasolineiras licenciadas para operarem no mercado moçambicano.

XS
SM
MD
LG