Links de Acesso

Republicanos viram-se contra Hillary Clinton

  • João Santa Rita

Chris Christie

Chris Christie

A convenção do Partido Republicano na cidade de Cleveland, no Estado americano de Ohio, elegeu na terça-feira, 19, à noite formalmente Donald Trump como seu candidato às eleições de Novembro.

Foi uma eleição marcada por um dos números mais elevados de votos contra na história do partido.

Hoje é a vez de alguns dos grandes nomes da campanha de Trump argumentarem que ele é o candidato certo para levar os republicanos à Presidência.

Mike Pence prepara discurso de hoje à noite

Mike Pence prepara discurso de hoje à noite

As atenções estarão viradas para o governador do Indiana Mike Pence que há menos de uma semana foi escolhido para ser o candidato a vice-presidente.

O antigo presidente da Câmara dos Representantes Newt Gingrich é outro dos oradores de hoje.

Três pré-candidatos candidatos também vão estar em foco, nomeadamente o senador do Texas Ted Cruz, o governador de Wisconsin, Scott Walker, e o senador da Flórida, Marco Rubio.

Rubio irá falar por vídeo e deverá ser interessante ver como vão reagir os delegados a este discurso já que ele e Trump trocaram vários insultos pessoais.

Manifestantes

Manifestantes

Na terça-feira, Trump obteve os votos de 1.725 delegados, ultrapassando facilmente os 1.237 necessários para garantir a nomeação.

Se aqueles que se opõem a Trump previam ter a oportunidade de encenarem em público a sua posição, tal ideia desvaneceu-se durante a noite de ontem.

Contudo, fica o registo de 721 votos contra Trump, o maior número de votos contra desde a convenção republicana de 1976

O agora oficialmente candidato à presidência falou por video a partir de Nova Iorque e ignorou totalmente esse aspecto, frisando, pelo contrário, os seus votos durate as primárias.

“Juntos alcançamos um resultado histórico, com o maior voto da história do Partido Republicano. Isto é um movimento mas temos que ir até ao fim”, disse.

Na sessão de ontem a convenção tentou concentrar-se em ataques contra Hillary Clinton.

O governador da Nova Jerse,y Chris Christie, antigo procurador estadual, aproveitou a oportunidade para em estilo de advogado de acusação afirmar que os factos e a carreira de Hillary Clinton desqualificam-na para ser presidente.

A várias perguntas sobre acontecimentos controversos que rodeiam Hillary Clinton, Christie interrogou se ela era ou não culpada ao que os milhares de delegados responderam “culpada”, entoando depois, em coro, “para prisão”.

“Sabemos exactamente o que quatro anos de Hillary Clinton vão trazer. Todos os falhanços dos anos de Obama com menos encanto e mais mentiras”, concluiu Christie.

XS
SM
MD
LG