Links de Acesso

Repórteres espancados por elementos da Renamo


Avenida principal de Nampula

Avenida principal de Nampula

Os jornalistas foram observados na Sala de Urgências do Hospital Central de Nampula

Dois repórteres da Televisão de Moçambique (TVM) foram espancados e a câmara arrebatada das suas mãos por elementos da Renamo, quando estavam a fazer uma filmagem na cidade de Nampula, cidade onde reside Afonso Dhlakama, o presidente do principal partido da oposição parlamentar.

O jornalista Vicente Martins e o operador de cãmara Horácio Hermínio foram observados no Hospital Central de Nampula, sendo o seu estado considerado "não muito grave".

Um elemento da Renamo, citado pelo jornalista Simião Pongoane, disse lamentar que os jornalistas terem chegado ao local e terem começado a filmar sem terem pedido autorização. Os repórteres argumentam terem feito um contacto prévio, embora estranhem serm obrigados a pedir autorização para filmar, quando os elementos da Renamo se encontram acampados na via pública e não em propriedade privada.

Os jornalistas faziam-se transportar numa viatura da TVM, devidamente identificada.

XS
SM
MD
LG