Links de Acesso

Rádio Despertar confirma suspensão de jornalista

  • Redacção VOA

Emissora ligada à UNITA nega que suspensão seja tentativa de censura

A Rádio Despertar confirmou a suspensão do jornalista Elias Fernandes que acusa a administração de retaliação pelas entrevistas que fez.


A Rádio Despertar nega e acusa o jornalista de violar o “sigilo profissional”.

Elias Fernandes diz ter sido suspenso por ter entrevistado os jornalistas Domingos da Cruz e Makuta Nkondo, tidos como críticos das falhas da UNITA. Muito recentemente o jornalista e editor da Rádio Despertar tinha anunciado o abandono de um programa que dirigia por, alegadamente, lhe ter sido proibido convidar aquelas duas figuras.

Elias Fernandes considerou a atitude dos seus superiores reveladoras de censura instituída naquela estação de rádio ligada à UNITA, que já terá impedido jovens manifestantes de, num programa ao vivo, passarem mensagens críticas ao partido fundado por Jonas Savimbi.

Contactado pela Voz da América, o director da Rádio Despertar, Emanuel Malaquias, confirmou a suspensão do profissional mas por motivos diferentes aos evocados pelo visado.

“Ele está suspenso por ter revelado, nas redes sociais, conversas tratadas em reunião de trabalho, quebrando assim o sigilo profissional”, disse Malaquias.

O director da Rádio Despertar acrescentou que o jornalista Elias Fernandes vai continuar suspenso até que se conheçam os resultados de uma sindicância ordenada contra si.

O secretário-geral adjunto do Sindicato dos Jornalistas Angolanos, Teixeira Cândido, já havia condenado, em declarações à Voz da América, todos os casos de censura que possam ocorrer na comunicação social angolana, incluindo na Rádio Despertar.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG