Links de Acesso

Prosseguem operações em Luanda contra as "zungueiras"

  • Coque Mukuta

Zungueiras

Zungueiras

Vendedoras dizem que são obrigadas a pagar aos polícias para serem soltas

Continuam as operações conjuntas entre elementos polícia nacional e das repartições de fiscalização dos municípios contra as vendedoras ambulantes, as chamadas “zungueiras”.




Na manhã desta Segunda-feira, nos municípios de Viana, Cazenga e Rangel várias operações foram levadas a cabo por efectivos da Polícia da Ordem Pública e fiscais do Governo de Luanda em cumprimento de uma ordem interna dada governador de Luanda, Bento Francisco Bento.

As “zungueiras” queixam-se de arbitrariedades e de corrupção por parte dos agentes que exigem pagamentos para as soltarem

Uma zungueira que falou sob anonimato revelou ter pago aos agentes da polícia para ser solta.

“O que eles fazem é nos dar muita corrida e nos levar preso,” disse.

“Para sa´rrmos temos que pagar eles cobram 50 mil kwanzas para nos soltarem,” acrescentou afirmando ainda que esse valor pode variar segundo a condição social de cada famílias.
“ Há famílias com dinheiro que pagam, outras que não têm não pagam e a presa fica la mais tempo, “disse
“Outras ainda podem pedir 30 ou 20 mil,” acrescentou a vendedora.
Outra vendedora disse eu na manhã de Segunda-feira “já levaram muita gente”.
De recordar que os focos de venda ambulante em Luanda são nas zonas dos ex-congolenses, São Paulo, Cuca e Viana, onde fortes cordoes da polícia são colocados para o combate à venda ambulante.
As operações contra as “zungueiras” já foram condenadas pela organização de direitos humanos Human Rights Watch.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG