Links de Acesso

Portugal e Guiné-Bissau assinam pacote de 45 milhões de dólares

  • Lassana Casamá

Primeiro-ministro português Pedro Passos Coelho

Primeiro-ministro português Pedro Passos Coelho

Financiamentos serão desembolsados segundo propostas de Bissau.

O chefe do Governo português esteve durante 24 horas na Guiné-Bissau, onde, acompanhado do seu homólogo, Domingos Simões Pereira, manteve encontros com o Presidente José Mário Vaz e o presidente do Parlamento Cipriano Cassamá.

A visita de Pedro Passos Coelho culminou com assinatura de um plano estratégico entre Bissau e Lisboa, orçado em 45 milhões de dólares.

Trata-se de um documento com um período temporal entre 2015 e 2020, cuja intervenção consiste nos domínios da reforma nos sectores da defesa e segurança, saúde, educação, emprego, turismo e fiscalização marítima.

Segundo o chefe do Governo português, o ritmo de desembolso dos financiamentos para o Programa Estratégico ora assinado, entre os dois países, dependerá dos projectos que virem a ser apresentados, sobretudo, por parte da Guiné-Bissau.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG