Links de Acesso

Barack Obama acusou Mitt Romney de estar sistematicamente errado em assuntos de política externa

  • VOA Português

O presidente Barack Obama assumiu uma postura agressiva para com Mitt Romney, dizendo em determinada altura que as propostas Republicanas estão desactualizadas

O terceiro, e último debate presidencial decorreu na Universidade de Lynn na Florida, com o presidente Barack Obama e o candidato republicano Mitt Romney falando de temas de política externa.

Romney foi o primeiro a intervir e começou por criticar a utilização das forças militares por parte de Obama para enfrentar o extremismo islâmico.

Obama respondeu sublinhando que Mitt Romney tem estado totalmente errado nas opções de política externa, descrevendo a sua estratégia como abarcando tudo da mesma maneira.

O presidente Barack Obama assumiu uma postura agressiva para com Miit Romney, dizendo em determinada altura que as propostas Republicanas estão desactualizadas.

Após Mitt Romney ter manifestado preocupação sobre a contínua ameaça da al-Qaida no Médio Oriente, Obama recordou que Romney classificara a Rússia como sendo a maior ameaça geopolítica.

Obama acrescentou que as posições políticas de Romney baseiam-se nos anos oitenta e que os seus pontos de vista em questões sociais baseiam-se na década de cinquenta.

O presidente Barack Obama afirmou que os Estados Unidos estarão ao lado de Israel se for atacado, e que o Irão não irá obter uma arma nuclear enquanto for presidente.

O candidato republicano indicou que teria forçado o isolamento diplomático do Irão, ao que o presidente Obama retorquiu que as duras sanções dos Estados Unidos danificaram a economia iraniana ao ponto da derrocada financeira.

No domínio militar o presidente Barack Obama referiu que as despesas militares são motivadas pela estratégia e não pela política.

Obama rejeitou as críticas do Republicano Mitt Romney que afirmara que Obama deseja cortar o orçamento militar num bilião de dólares. Obama questionou aquele número, acrescentando que a verba reflecte as necessidades exigidas pelos militares e não por razão de orçamento.

Obama acusou Romney de propor aumento das despesas militares que o Pentágono não deseja.

Romney adiantou que irá custear o aumento das despesas militares eliminando o programa de cuidados de saúde de Obama e outros programas que considera desnecessários.

Durante os meses da campanha que conduz ao sufrágio do dia 6 de Novembro, aos eleitores inquiridos deram ao Presidente democrata uma vantagem decisiva sobre o antigo governador de Massachusetts Romney.

Os eleitores aprovaram a incursão militar da administração em 2011 no Paquistão que eliminou Osama bin Laden, o cérebro dos ataques terroristas de 2001 contra os Estados Unidos.

A experiencia do candidato Republicano em assuntos de política externa tem estado largamente limitada a acordos empresariais que negociou ao longo da carreira empresarial.

O debate teve como moderador o jornalista Bob Schieffer da CBS News.

Clique aqui para ouvir o debate com tradução simultânea em português
XS
SM
MD
LG