Links de Acesso

Presidente guineense volta a reunir-se em separado com os actores políticos

  • Redacção VOA

José Mário Vaz

José Mário Vaz

O Presidente da Guiné-Bissau volta a reunir-se esta sexta-feira, 19, com os actores políticos envolvidos na crise política

O PAIGC, partido no poder, PRS, maioritária na oposição, a mesa da Asembleia Nacional Popular (ANP), os 15 deputados expulsos do PAIGC, assim como membros da Sociedade Civil, serão recebidos, em separados, pelo Chefe de Estado.

É um novo formato adoptado peorJosé Mario Vaz, depois da exigência do PAIGC, segundo a qual, não pode sentar-se à mesma mesa com os seus 15 ex-deputados, mas sim com instituições reconhecidas.

Esta é a quarta tentativa de diálogo mediada por Vaz para encontrar uma solução a uma crise que começou em Agosto quando o Presidente da República demitiu o Governo do PAIGC liderado por Domingos Simões Pereira.

Concordando ou não com esta posição, o Chefe de Estado relançou o diálogo para tentar encontrar uma saída, uma semana depois do enviado especial da Cedeao, Olusegum Obasanjo, ter visto a sua missão frustrada.

Ontem, o representante especial do secretário-geral das Nações Unidos para a Guiné-Bissau Miguel Trovoada mandou um recado às autoridades dizendo que a comunidade internacional começa a dar sinais de cansaço devido à falta de vontade política dos dirigentes guineenses.

XS
SM
MD
LG