Links de Acesso

Portão de estádio de futebol no Uíge cede e mata pelo menos 17 pessoas


Hospital de Uíge sem mãos para enfrentar demanda

Acidente aconteceu durante o jogo entre o Santa Rita e o Recreativo do Libolo deixou cerca de 100 feridos segundo testemunhas

Dezassete pessoas, entre elas várias crianças, morreram nesta sexta-feira, 10, quando o portão principal do Estádio 4 de Janeiro, no Uíge, desabou enquanto decorria o jogo de abertura do Girabola entre o Santa Rita e o Recreativo do Libolo.

A informação foi avançada à VOA por várias testemunhas no local.

O jogo não foi interrompido e nos primeiros 30 minutos após o acidente cerca de 100 pessoas tinha dado entrada no hospital com ferimentos e o número de mortos e de feridos pode ainda aumentar.

Fontes da VOA no local indicam que a maioria das mortes pode ser de crianças que queriam ver o jogo.

Castigo Olavo, que estava à porta do estádio, disse que “havia apenas dois polícias no local e as pessoas começaram a empurrar até que o portão cedeu”.

Não há ainda pronunciamentos oficiais sobre o acidente, nem o número exacto de vítimas.

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG