Links de Acesso

Tribunal da Polónia rejeita pedido de extradição de Polanski aos EUA


 Roman Polanski

Roman Polanski

Um tribunal polaco rejeitou, hoje, 30, um pedido dos Estados Unidos para extraditar o cineasta Roman Polanski em função de uma condenação num caso de abuso sexual infantil de 1977.

“A extradição (de Roman Polanski) é inadmissível”, declarou o juiz Dariusz Mazur no tribunal distrital da cidade de Cracóvia, no sul da Polónia, citado pela Reuters.

Polanski é acusado, nos Estados Unidos, de ter violentado Samatha Geimer, na altura adolescente de 13 anos, em 1977.

O realizador de “O pianista” e “Chinatown” declarou-se culpado de assédio sexual contra a menor, e fugiu dos Estados Unidos por medo de uma pena dura.

A extradição foi solicitada pelos Estados Unidos em janeiro deste ano. Geimer mais do que uma vez ter perdoado Polanski, hoje com 82 anos de idade.

XS
SM
MD
LG