Links de Acesso

Angola lança vacinação contra a polio em províncias fronteiriças dos dois Congos

  • Manuel José

Angola tem estado a combater com sucesso a doença não se registando qualquer caso desde Julho de 2011.

Milhões de crianças vão ser imunizadas contra a poliomielite em várias províncias angolanas na continuação de uma campanha que esta a registar enormes sucessos.

O número de casos de polio tem vindo a decair em todo o país e segundo Rosa Geovety, do ministério da educação, quatro milhões de crianças dos zero aos cinco anos de idade vão ser vacinadas em nove província durante os três dias de vacinação a iniciarem-se Sexta-feira.

Para esta fase de vacinação apenas 9 das dezoito províncias serão contempladas.

As província foram escolhidas devido ao facto de fazerem fronteira com os dois Congos, países que reportaram o ano passado mais de 100 casos da doença.

Benguela, Cabinda, Luanda, Uíge, Malanje, Lundas norte e sul, Cuando-Cubango e Zaire, são assim as províncias visadas por esta campanha de vacinação.

Angola reduziu de 2010 a 2012 o número de casos de 33 casos para zero.

As campanhas de vacinação têm no entanto encontrado alguma resistência por parte de algumas seitas religiosas que se opõem ás campanhas.

“Tem havido rejeição da vacinação por parte de alguma franja da sociedade sobretudo algumas seitas religiosas,” disse.

A UNICEF parceiro inseparável do governo angolano no combate à polio, diz estar atenta a estes casos de rejeição da vacinação pelas seitas religiosas.

“A Unicef tem trabalhado na mobilização de franjas da sociedade que recusam a vacinação contra a polio, principalmente por parte de seitas religiosas,” disse Catarina Watanha representante da UNICEF em conferência de imprensa para assinalar a nova campanha de vacinação.

XS
SM
MD
LG