Links de Acesso

Polícia Nacional detém em flagrante cidadãos chineses em caça ilegal

  • Armando Chicoca

Angola Parque do Iona Namibe, foto do blog photoscopes.blogspot.com

Angola Parque do Iona Namibe, foto do blog photoscopes.blogspot.com

Fiscais queixam-se da falta de meios rolantes para o patrulhamento, uma situação que já leva muitos anos .

Depois de um profundo trabalho investigativo, a Polícia Nacional no Namibe deteve dois chineses que se dedicavam à caça furtiva no Parque Nacional do Iona, Município do Tombwa. Tratam-se de Shan e Lion Shan, todos trabalhadores de uma empresa de construção civil no Namibe.

"Eles foram apanhados com a boca na botija quando faziam o gosto ao gatilho, fazendo uso de espingardas que foram apreendidas com os respectivos animais abatidos".

O Comandante Municipal do Namibe Eduardo Luis disse, em conferência de imprensa, que o trabalho policial vai continuar e todos aqueles que insistirem em abater animais nas zonas proibidas vão conhecer a mão pesada da justiça.

As gazelas e aves raras são os animais preferidos pelos chineses na caça furtiva, que sustenta a sua alimentação no Namibe e parte dos animais abatidos tem sido enviada em Luanda.

João Alberto, do Departamento do Ambiente, defende o procedimento criminal contra os prevaricadores chineses e todos aqueles que forem apanhados a abater os animais.

Alguns fiscais queixam-se da falta de meios rolantes para o patrulhamento, uma situação que já leva muitos anos .

Por seu lado, o Secretário Provincial da UNITA questiona a origem das armas nas mãos dos chineses. Ricardo de Noé Tuyula não acredita que os chineses implicados neste crime venham a ser julgados pelas instâncias competentes da justiça angolana.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG