Links de Acesso

Polícia moçambicana apresenta sequestradores

  • William Mapote

Sequestradores detidos em Moçambique

Sequestradores detidos em Moçambique

Dezenas da famliares de empresários têm fugido de Moçambique por temerem sequestros.

A Polícia moçambicana apresentou esta sexta-feira, 14, oito indivíduos detidos relacionados com a onda de raptos que há mais de dois anos tem marcado o país


A quadrilha é considerada pelas autoridades policiais como sendo uma das mais perigosas e foi responsável por cerca de quatro sequestros, envolvendo crianças menores de 10 anos, que renderam ao grupo pelo menos 11 milhões de meticais, o equivalente a cerca de 360 mil dólares.

Numa accão concertada, os oito elementos da quadrilha negaram dar qualquer informação à imprensa, remetendo os jornalistas aos autos policiais, que não foram disponibilizados.

A onda de sequestros e a tensão político militar que tem resulatado em confrontos armados entre as forças governamentais e homens armados da Renamo os grandes factores da instabilidade de Moçambique.

Enquanto os confrontos militares já resultaram em dezenas de mortes desde o princício do ano passado, outras dezenas de cidadãos já passaram pelo cativeiro de sequestradores, cujos mandantes continuam por descobrir.

Uma das repercursões da onda de sequestro é o éxodo de dezenas de familiares de empresários de origem asiática baseados em Moçambique, para países como a África do Sul, para se esconderem da acção dos raptores.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG