Links de Acesso

Polícia detém dois jovens do Movimento Revolucionário em Benguela

  • João Marcos

Benguela

Benguela

Detidos distribuiam panfletos para a manifestação de 29 de Agosto.

Em Benguela, dois jovens do Movimento Revolucionário foram detidos na manhã desta terça-feira, 25, quando distribuíam panfletos a anunciar uma manifestação que visa exigir a libertação dos 15 companheiros detidos a 20 de Junho em Luanda.

Domingos Janito e Paulo foram detidos por agentes à paisana nas imediações da escola Liceu Comandante Kassanji, e posteriormente transportados numa viatura policial em direcção a uma esquadra.

Um dos jovens que ali se encontravam e que conseguiu escapar à acção policial, reiterou à VOA que o clima de intimidação não vai frustrar a manifestação convocada para o próximo dia 29.

Pouco depois da detenção dos dois jovens, numa operação que contou com quase 20 policias, o Movimento Revolucionário pediu ao Comando Provincial da Polícia explicações sobre o paradeiro de Domingos e Paulo.

Com o mesmo objectivo, bateu à porta da Polícia de Investigação Criminal, mas sem sucesso, pelo menos até à hora em que elaborávamos esta matéria.

Os cartazes exigem a libertação dos 15 jovens no mais curto espaço de tempo possível, tal como resumiu António Tongoti, membro do Movimento Revolucionário, na hora da descrição dos momentos da detenção.

“Nós estávamos a distribuir os panfletos, em alusão à actividade do dia 29, e eles começaram a estragar a nossa mobilização”, contou.

Tongoti aproveitou a ocasião para sublinhar que a manifestação agendada para o dia 29 é irreversível.

“Nós queremos chamar a sociedade civil para podermos gritar pela liberdade dos nossos jovens, e no dia 29 sem falta, a manifestação tem de sair, não estamos a fazer nada contra a Constituição”, reitera.

Apesar dos esforços, a VOA não conseguiu falar nem com o comandante municipal da Polícia na República da Namíbia nem com o porta-voz do Comando Provincial, que se encontra de férias.

Por sua vez, o porta-voz em exercício, Carlos Mota, disse que não era a pessoa ideal para abordar o assunto.

A última manifestação do Movimento Revolucionário na província Benguela, no passado dia 27 de Maio, para lembrar os acontecimentos de 1977, acabou com a detenção de 13 jovens, devolvidos à liberdade cinco horas depois.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG