Links de Acesso

Polícia brasileira prende suspeitos de ligação ao Estado Islâmico

  • Redacção VOA

Os 10 brasileiros preparavam actos terroristas durante as Olimpíadas

A Polícia Federal do Brasil prendeu nesta quinta-feira, 21, 10 pessoas que faziam parte de uma suposta célula amadora do grupo terrorista Estado Islâmico, que realizava actos preparatórios de terrorismo no Brasil, numa operação considerada inédita no país a 15 dias da cerimónia de abertura das Olimpíadas do Rio de Janeiro.

A chamada operação Hashtag foi realizada a partir das quebras de sigilo de dados e telefónicos dos suspeitos, que passaram de uma fase inicial de declarações via internet a actos preparatórios para possíveis atentados, como treinos de artes marciais, armamentos e tiro, de acordo com o ministro da Justiça.

Alexandre de Moraes disse que a suposta célula era "absolutamente amadora, sem nenhums preparaçao", mas qualquer acto de terrorismo, "por mais insignificante que seja", terá uma resposta rápida das autoridades de segurança.

Como parte da operação, foram expedidos 12 mandados de prisão temporária pela Justiça Federal do Paraná.

XS
SM
MD
LG