Links de Acesso

Polícia combate analfabetismo na corporação em Malanje

  • Isaías Soares

A Polícia Nacional está a submeter os seus agentes menos letrados a aulas de alfabetização e aceleração escolar.

No Malanje, mais de uma centena de agentes frequentam aulas desde o ano lectivo passado.

Ochefe de departamento do Departamento de Educação Moral e Cívica do Comando Provincial em Malanje, Rui Baltazar do Céu Neto, revelou que de um levantamento “de mais de 140, pudemos matricular cerca de 108, tivemos algumas reprovações e os outros vão continuar este ano lectivo”.

“Em menos tempo, nós vamos acabar com o analfabetismo na polícia, pelos vistos, até vai ser a primeira instituição aqui na cidade de Malanje, a acabar com os analfabetos”, precisou Neto, justificando ser “esse é o nosso propósito”.

O responsável dos Serviços de Saúde do Comando Provincial, Mucongo Serrote considera, por seu lado, que os critérios actuais de selecção dos agentes para o sector carecem de certa rigorosidade.

A escola de formação básica de agentes da Polícia Nacional em Malanje, funciona na 9ª Unidade da Polícia de Intervenção Rápida, nesta cidade.

XS
SM
MD
LG