Links de Acesso

Poder de compra dos angolanos cai diariamente

  • Redacção VOA

Preços de água e energia eléctrica aumentaram hoje.

Depois dos combustíveis e seus derivados, o consumo de água e da luz eléctrica têm a partir desta quarta-feira novos preços.

A água aumentou cerca de 53 por cento e a energia eléctrica 60 por cento, segundo o Instituto Regulador do Sactor da Água e Energia .

O presidente do Conselho de Administração da instituição Luís Manuel da Silva advertiu que quem gastar mais vai pagar mais consoante a categoria a que pertence.

Com este aumento, o Governo diz que pretende poupar entre 15 e 20 milhões de dólares por mês, para cobrir 30 por cento das subvenções que fazia à energia eléctrica.

No sector da água, a redução das subvenções do Estado para as cidades de Luanda e Benguela está fixada entre 20 e 25 por cent , de acordo com Luis Manuel da Silva.

“Há categorias que terão aumento, mas há outras como a de baixa renda que não terão aumento por serem novas. Há categorias que subiram 15 por cento outras 90 por cento. outras 20 e 18 por cento”, anunciou.

Entretanto, o porta-voz da Associação Angolana dos Direitos do Consumidor Jordão Coelho disse que, na qualidade de parceiro social, a sua instituição não foi consultada pelo Governo.

Coelho classifica as medidas de bastante duras para o público consumidor e vaticina que o consumidor vai perder o poder compra em virtude de que muitos produto básicos irão subir de preço.

“É muito provável que o valor do pão suba porque o valor do frete terá alguma incidência em relação a isso e as padarias usam geradores para fazer o pão, os serviços hoteleiros, etc”, concluiu.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG