Links de Acesso

PM da Guiné-Bissau garante que não há mal-estar com chefe de Estado


Domingos Simões Pereira

Domingos Simões Pereira

O primeiro-ministro da Guiné-Bissau garantiu não haver qualquer mal-estar com o Presidente da República, mas reconheceu haver "falta de alguma concertação" num país que está a sair de uma situação "terrivelmente difícil".

Domingos Simões Pereira, disse aos jornalistas na Praia onde iniciou ontem, 27, uma visita de três dias a Cabo Verde, salientou tratar-se de um período que não é fácil, nem para si, nem para José Mário Vaz.

"É preciso compreender que a Guiné-Bissau está a sair de uma situação terrivelmente difícil, há muitos interesses em presença, os partidos políticos estão numa recomposição interna, o jogo político não está totalmente clarificado e compreendo que tudo isso não é muito fácil para o Presidente, nem para mim. Mas acredito que vamos conseguir um consenso que o povo guineense não só pede como exige", afirmou.

Domingos Simões Pereira ressalvou que a sua resposta não pode ser interpretada como o reconhecimento de que existe um mal-estar entre o primeiro-ministro e o Presidente e negou qualquer intenção de remodelar o Executivo

XS
SM
MD
LG