Links de Acesso

Pedro Pires contra intervenções externas para derrubar ditaduras

  • Eugénio Teixeira

Líderes oeste-africanos durante o processo de mediação com Laurent Gbgbo, da Costa do Marfim (à direita) no Palácio presidencial. Da esquerda para a direita: o presidente do Benin, Boni Yayi; Pedro Pires o então presidente de Cabo Verde; e o presidente da

Líderes oeste-africanos durante o processo de mediação com Laurent Gbgbo, da Costa do Marfim (à direita) no Palácio presidencial. Da esquerda para a direita: o presidente do Benin, Boni Yayi; Pedro Pires o então presidente de Cabo Verde; e o presidente da

O risco da crise económica poder aumentar os riscos sociais

A cidade da Praia é palco, desde ontem,da terceira conferência "Iniciativa da Paz na África Ocidental",certame que reúne académicos, políticos, jornalistas e ONG’s da CEDEAO e EUA. Este encontro visa reflectir sobre os discursos e práticas na região.

O ex-presidente cabo-verdiano, Pedro Pires, um dos oradores no encontro, chamou atenção para o risco da crise económica poder aumentar os riscos sociais.Daí,segundo Pires, a necessidade dos Estados e governos implementarem políticas que permitam atenuar um conjunto de situações com reflexos na vida das pessoas.

Pedro Pires referiu-se também a outros riscos,nomeadamente ao tráfico de drogas e de armas.O ex-presidente cabo-verdiano discorda também da teoria defendida por alguns, de que os ditos regimes ditatoriais devem ser mudados pela força, sobretudo de países estrangeiros.

Sobre aquelaa questão,o coordenador científico do encontro,João Resende Santos, discordou da posição defendida por Pedro Pires, dezndo não se poder negar a existência de ditadores em África.

XS
SM
MD
LG