Links de Acesso

Pão mais caro e menor em Moçambique

  • Ramos Miguel

Estado retira subsídios

Consumidores queixam-se e panificadores defendem preço do mercado

O pão está mais caro em Moçambique e na cidade de Maputo praticamente todas as padarias aumentaram o preço do pão, depois de o Governo ter decidido retirar o subsídio às panificadoras, agravando ainda mais as condições de vida dos grupos mais vulneráveis.

"A situação está mal", disse à VOA, Fernando Alcides, vendedor ambulante na cidade de Maputo, para quem "o pão ficou mais caro, mas o seu peso reduziu bastante."

Em algumas padarias da capital moçambicana, o preço do pão passou de seis para oito meticais e noutras de sete para 10, o que para Alcides "é um exagero".

O ministro moçambicano da Indústria e Comércio Max Tonela justificou a retirada do subsídio às panificadoras com a redução do preço da farinha de trigo no mercado internacional e com a relativa estabilidade da moeda nacional, o metical.

A Associação Moçambicana dos Panificadores diz-se satisfeita com a decisão governamental porque o preço do pão vai ser fixado de acordo com as regras do mercado.

Refira-se que entre Julho de 2014 e Fevereiro deste ano, o Governo gastou cerca de 4.5 milhões de dólares com subsídios às panificadoras.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG