Links de Acesso

Panama Papers: Ingleses querem Cameron fora


David Cameron

David Cameron

Manifestações em Londres pela resignação do primeiro-ministro

Manifestantes invadiram as ruas de Londres na manhã deste Sábado para pedir que David Cameron, o primeiro-ministro britânico deixe o poder, em consequência do envolvimento da sua família em negócios em paraísos fiscais, segundo revelou o Panama Papers.

Reunidos na Downing Street, onde reside o primeiro-ministro, os manifestantes exibiam cartazes a dizer que está na hora de sair e cantavam “o que queremos? Cameron fora!

Na manhã de hoje, 9 de Abril, Cameron falou no forum do Partido Conservador e assumiu que deveria ter escrutinado melhor os negócios da família e prometeu aprender a lição. Ele disse ainda ser sua responsabilidade e não da sua equipa.

David Cameron assumiu esta responsabilidade vários dias depois de cobertura mediática negativa e de apelos à sua resignação.

O Partido do Trabalho (oposição) por sua vez exigiu que Cameron faça uma declaração no Parlamento relativa à ligação dos seus assuntos financeiros a investimentos em paraísos fiscais.

A fuga de informação da Mossack Fonseca revelou que o pai do primeiro-ministro britânico, Ian Cameron, era dono da Blairmore Holdings, sediada nas Bahamas, na qual David Cameron tinha interesse activo até assumir o governo.

Na Quinta-feira Camerou assumiu ter uma parte da empresa e que vendeu por cerca de 42 mil dólares quatro meses antes de se tornar primeiro-ministro, em 2010.

XS
SM
MD
LG