Links de Acesso

PAIGC sofre revés no Tribunal de Bissau

  • Lassana Casamá

Domingos Simões Pereira, presidente do PAIGC

Domingos Simões Pereira, presidente do PAIGC

Tribunal de Bissau dá razão a deputados expulsos do Parlamento.

O Tribunal Regional de Bissau suspendeu hoje a decisão da Comissão Permanente da Assembleia Nacional Popular (ANP) que determinou a perda de mandato de 15 deputados do PAIGC, depois de terem sido expulsos do partido.

É um autêntico revés político-jurídico para o PAIGC na crise política vigente no país.

O Tribunal Regional de Bissau, que há duas semanas, atendeu a providência cautelar da mesa da ANP, ao impedir o acesso dos 15 deputados ao Parlamento, decidiu hoje invalidar a deliberação da Comissão Permanente que declarou a perda de mandato de três parlamentares, entre os 15 visados pela medida.

A decisão diz que os deputados Abel da Silva Gomes, Adulai Balde e Amido Keita não perderam os seus mandatos.Esta decisão do Tribunal Regional de Bissau, para já recorrível, perspectiva novo cenário político, quando os esforços em curso visam encontrar uma saída política a crise.

XS
SM
MD
LG