Links de Acesso

Padre alerta para aumento da criminalidade no Cuango

  • Coque Mukuta

António Makoko Miamba, padre, e o correspondente da VOA Coque Mukuta

António Makoko Miamba, padre, e o correspondente da VOA Coque Mukuta

Sacerdote diz ainda ainda que a violência é protagonizada tanto por policias que matam cidadãos como por cidadãos que matam polícias.

As autoridades católicas no município do Cuango, na província da Lunda Norte, dizem-se preocupadas com o aumento do índice de criminalidade na região.

António Makoko Miamba, pároco católico das localidades de Chamuteba, Cuango e Capenda Camulemba, disse esta quinta-feira, 7, à VOA que o seu pelouro tem registado várias denúncias de crimes violentos nestas localidades.

A criminalidade nesta região é preocupante e se deve seguir com muita atenção e muito cuidado porque é admirável a forma como se desvaloriza a vida humano actualmente, disse.

O sacerdote afirmou ter estado a chamar atenção as autoridades sobre o assunto: “Olha que isso nos preocupa e é preciso que possamos ver isso como um caso para levar a sério e não um caso que possamos levar na brincadeira”, frisou Miamba.

O sacerdote disse ainda ainda que a violência é protagonizada tanto por policias que matam cidadãos como por cidadãos que matam polícias.

A VOA contactou o superintendente Caetano Bravo, comandante do Município do Cuango, mas negou dar qualquer explicação sobre o assunto.

De recordar que a maioria da população neste território é jovem e, com poucos empregos, muitos deles recorrem para à exploração ilegal de diamantes.

Nas últimas duas semanas têm-se registado confrontos entre os garimpeiros e forças da ordem.

Fontes locais falam entre 2 e 11 mortos, mas até agora apenas um morto foi identificado.

XS
SM
MD
LG