Links de Acesso

Oposição angolana sem plataforma conjunta contra nomeação de Isabel dos Santos

  • Coque Mukuta

José Eduardo dos Santos e a filha Isabel dos Santos

José Eduardo dos Santos e a filha Isabel dos Santos

Unita leva caso ao Parlamento.

Apesar de terem criticado em uníssono a decisão do Presidente angolano de nomear a filha para a presidência do Conselho de Administração da Sonangol, os partidos da oposição não têm ainda qualquer plano conjunto para, como pretendem, levar José Eduardo dos Santos a recuar na sua intenção.

Nesta segunda-feira, 6, Isabel dos Santos assumiu a presidência da mais importante e estratégica empresa pública angolana.

Lindo Bernardo Tito, vice-presidente e porta-voz da CASA-CE, diz que várias acções “estão a ser levadas a cabo e serão tornadas publicas brevemente”.

Por seu lado, a UNITA aconselha o Presidente a recuar da decisão.

Entretanto, Raúl Danda, vice-presidente do partido, admite um possível boicote no Parlamento, embora reconheça que tal decisão pode não ter sucesso em virtude do MPLA possui maioria qualificada.

"Nós ainda não sentamos com outras forças politicas para poder olhar para outras possibilidades, mas o nosso grupo parlamentar está a ser mandato para pedir um debate sobre o assunto”, garante Danda.

Lucas Jeoveth, porta-voz da FNLA, reconhece que o seu partido ainda não analisou a nomeação mas espera que Isabel dos Santos seja “transparente na gestão da coisa pública”.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG