Links de Acesso

Obama pede agilidade para enfrentar o vírus zika

  • Redacção VOA

Barack Obama

Barack Obama

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pediu nesta terça-feira o rápido desenvolvimento de testes, vacinas e tratamentos para combater o vírus zika, que tem sido associado a casos de microcefalia em recém-nascidos e que poderia se espalhar pelos Estados Unidos nos meses de calor.

Obama reuniu-se com responsáveis do Centro para Controlo de Doenças dos EUA, Thomas Frieden e do Instituto Nacional de Doenças Infecciosas, bem como a secretária de Saúde e Serviços Sociais, Sylvia Mathews Burwell.

“O Presidente enfatizou a necessidade de acelerar os esforços de pesquisa para tornar disponível teste de diagnóstico melhores, para desenvolver vacinas e terapias e para assegurar que todos os americanos tenham informação sobre o vírus zika”, disse a Casa Branca em comunicado.

As autoridades de saúde americanas têm intensificando os esforços para estudar a ligação entre infecções pelo vírus zika e casos de má formação de bebés, em meio a temores levantados por um estudo recente que estima que o vírus pode atingir regiões onde mora 60 por cento da população dos EUA.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) previu que o vírus, que foi ligado a casos de danos aos cérebros de bebês no Brasil, se espalhe para a maior parte dos países americanos, incluindo os Estados Unidos.

Os Estados Unidos emitiram um alerta para pessoas que viajam de países onde haja casos de infecções pelo vírus zika, entre eles o Brasil e Cabo Verde.

XS
SM
MD
LG