Links de Acesso

Nuno Nabiam: "Deveria ter sido eleito a 13 de Abril"


Campanha eleitoral de Nuno Nabiam para as eleições de 13 de Abril

Campanha eleitoral de Nuno Nabiam para as eleições de 13 de Abril

O candidato independente à segunda volta das eleições Presidenciais de 18 de Maio, Nuno Nabiam, garantiu em Catio, que em caso de vitória neste pleito irá trabalhar com o Governo Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), enquanto vencedor das Legislativas de 13 de Abril.

Nuno Nabiam, que esteve ontem, 6, também na região de Quinara, criticou a justiça guineense afirmando que, se tivesse havido uma justiça funcional, «ele seria eleito» na primeira volta destas eleições, ou seja, a 13 de Abril.

O candidato independente agora apoiado pelo Partido da Renovação Social (PRS) fazia referência ao processo sobre o seu adversário, em relação à impugnação da candidatura de José Mário Vaz por Abudu Mane, Procurador-Geral da República, alegadamente por este ser alvo de um processo-crime sobre fundos doados à Guiné-Bissau pelo Governo de Angola.

Nuno Nabiam está hoje, 7 de Maio, na região de Bolama/Bijagós, concretamente em Bubaque, Caravela e Uno.
XS
SM
MD
LG