Links de Acesso

Os homens deviam ganhar mais dinheiro que as mulheres, diz número 1 do ténis mundial

  • Redacção VOA

Novak Djokovic

Novak Djokovic

“Nós não devemos ficar de joelhos em nenhum momento,” responde Serena Williams.

O número um do ténis mundial, Novak Djokovic, criou controvérsia ao afirmar que os jogadores do sexo masculino deverão ganhar mais dinheiro do que as mulheres.

“Os homens deverão lutar por mais,” disse o sérvio após vencer, ontem, 20, o torneio BNP Paribas, em Indian Wells na Califórnia.

Djokovic acrescentou que o valor dos prémios deverá ser “distribuído de forma justa” e com base “em quem atrai maior atenção, espectadores e quem vende mais bilhetes”.

Estes comentários surgem depois de Raymond Moore, presidente do mesmo torneio, ter dito que a presença das mulheres no ténis está “atrelada” aos homens.

“Se eu fosse uma jogadora, ajoelharia todas as noites para agradecer a Deus por Roger Federer e Rafa Nadal terem nascido,” porque sustentaram a existência deste desporto, disse Moore no início do torneio.

Mais tarde, ele pediu desculpas, dizendo que os seus comentários estavam errados.

Serena Williams

Serena Williams

A número um do ténis mundial, Serena Williams, disse que os comentários de Moore são “ofensivos”.

“Nós não devemos ficar de joelhos em nenhum momento,” disse Williams.

Nos quatro grandes torneios mundiais de ténis - Austrália, Estados Unidos, França e Wimbledon - tem havido igual premiação em dinheiro para os homens e mulheres desde 2007. Acontece o mesmo em torneios como o Paribas.

No entanto, em eventos só para mulheres elas ganham menos que os homens em torneios exclusivamente reservados a eles.

XS
SM
MD
LG