Links de Acesso

Coreia do Norte: "Armas nucleares não são moeda de troca"

  • Redacção VOA

Kim Jong Un afirmou que as armas nucleares não são moeda de troca e que nunca desistirá delas para receber assistência económica.

O líder da Coreia do Norte afirmou que o seu país vai construir e colocar em órbita satélites mais avançados e acrescentou que o programa nuclear norte-coreano não está aberto a negociações.

Kim Jong Un afirmou que as armas nucleares norte-coreanas não são moeda de troca e que Pyongyang nunca desistirá delas para receber assistência económica americana.

Ontem a Coreia do Norte anunciou que tinha entrado num “estado de guerra” com a Coreia do Sul advertindo que qualquer provocação por parte de Seoul ou de Washington poderia provocar uma confrontação nuclear.

Em resposta o ministério da defesa sul-coreano apelou a Pyongyang para que deixasse de fazer ameaças acrescentando que as forças do sul estavam prontas a punir o norte se houver uma provocação.

Aqui em Washington, a Casa Branca afirmou que estava a encarar com seriedade as ultimas ameaças norte-coreanas e a porta-voz do Conselho de Segurança Nacional, Caitlin Hayden, afirmou que a Coreia do Norte tem um longo historial de retórica belicosa e que as últimas ameaças se inserem num padrão familiar.
XS
SM
MD
LG